Nelson de Sá

Toda Mídia

 

PF prende governador, vice e ex-governador

Escalada do "Jornal Nacional" de 10.9:

Suspeitas de corrupção levam 15 pessoas para a cadeia no Amapá, entre elas o governador, o ex-governador e o presidente do tribunal de contas.
Documentos contradizem o Ministério da Fazenda e comprovam que o sigilo fiscal do genro de José Serra foi violado. Contador Antônio Carlos Atella usou outra procuração falsificada. Denúncia de um aposentado abre uma nova investigação no caso.  
Pastor Terry Jones volta a dizer que pode queimar o Alcorão amanhã, nos Estados Unidos, e provoca protestos de mulçumanos em outros países.
Veja também. A nova pesquisa Datafolha sobre a intenção de voto para presidente. O JN no Ar pousa em Coração de Jesus, Minas Gerais. 

Do "Jornal da Record":

Cena de faroeste. Bando assalta carro forte e troca tiros com a polícia em Belém.
Mordeu a isca. Ladrão é preso ao roubar caminhão rastreado pela polícia.
Não sobrou nenhum. Polícia Federal prende governador, vice e ex-governador do Amapá. Eles são acusados de desviar verbas federais no Estado.
Água. Enxurrada engole vilarejo na Itália.
Fogo. Gasoduto explode nos Estados Unidos.
Seca. Rios baixam e prejudicam abastecimento na Amazônia.
Da enxada ao trator. Aumento da renda cria uma nova classe média no campo.
Goleiro acha que pega pênalti, comemora e não percebe o gol que tomou. 

E do "SBT Brasil":

Dono de clínica no Rio de Janeiro é acusado de oferecer laqueaduras em troca de promessa de votos.
Advogado diz que os dados da Receita Federal do genro de José Serra foram obtidos com procuração falsa.
Em dois dias, o segundo acidente de trem com morte no interior de São Paulo.
Como o prefeito do Rio se referiu a São Paulo na escolha do centro de imprensa para a Copa do Mundo.
O goleiro que comemorou a defesa do pênalti antes da hora.
O momento em que a enxurrada destruiu uma cidade na Itália. 

A coluna e o blog voltam na segunda-feira.

Escrito por Nelson de Sá às 13h48

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Do outro lado

De Carlos Eduardo Lins da Silva, sobre "No Planalto, com a Imprensa":

Um dos problemas da produção acadêmica sobre jornalismo no Brasil tem sido a raridade de trabalhos dedicados a documentar fatos. Gastam-se mais tempo e energia em teses abstratas do que no exame da realidade. É louvável que, na contramão, André Singer, jornalista com sólida vida acadêmica, o editor Mário Hélio Gomes, o diplomata Carlos Villanova e o jornalista Jorge Duarte tenham produzido "No Planalto, com a Imprensa", que transcreve entrevistas com praticamente todos os ocupantes da função de secretários de imprensa e porta-vozes da Presidência desde JK até Lula. Essas funções são vitais em qualquer democracia, ainda mais nas que, como a brasileira, o Executivo é tão relevante. No entanto, pouco se sabe sobre elas no país. Nos EUA, não faltam bons livros, como "All the Presidents' Spokesmen", de 2008, ou "Spin Cycle", sobre a atividade da secretaria de imprensa de Clinton, de 1998. Singer deixa claro que ele e os outros organizadores estavam conscientes das limitações de sua obra: "Sem a pretensão de ter realizado um trabalho de história, procurou-se reunir o máximo de informações cabíveis em um livro de memórias". Nesse sentido, ela é bastante valiosa. São 24 depoimentos importantes dos 26 ocupantes desses cargos em meio século de República. As entrevistas dão ampla liberdade. Momentos fundamentais da vida nacional são revividos.

O "Correio Braziliense" selecionou trechos. De Claudio Humberto, secretário de imprensa de Collor de março de 90 a março de 92:

Era um vale-tudo espantoso. As redações eram majoritariamente petistas e essas pessoas se sentiam derrotadas com a eleição de Collor. Havia uma grande má vontade. O Collor contrariou tantos interesses, além de agir como agiu, ensimesmado, isolando-se, que acabou rompendo a frágil ligação que tinha com os empresários de comunicação. Eles perderam a paciência porque, afinal, não conseguiam controlar o presidente, e liberaram as redações para aquele vale-tudo. Os caras não se preocupavam nem mesmo com o princípio mais elementar da checagem das informações.

Aqui, a introdução de André Singer.

Escrito por Nelson de Sá às 13h32

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

O sigilo dos Fábios

De Fernando de Barros e Silva, sob o título "O sigilo das vítimas":

Apesar da cobertura intensa que TVs, rádios, revistas e jornais têm feito do escândalo da Receita, Serra encontrou um jeito de dizer, na segunda, que parte da imprensa ainda não havia percebido sua gravidade, mais preocupada com os efeitos eleitorais do que com a violação dos sigilos. Bem... Foi Serra quem transformou o caso na peça de resistência de sua campanha. E isso tem menos a ver com a gravidade do delito do que com o sufoco da candidatura tucana. O fato é que Serra se viu compelido a abraçar a pauta udenista porque percebeu que suas armas contra o lulismo haviam se exaurido.

E de Lauro Jardim, sob o título "De olho nos Fábios da Receita":

Nada menos que sete CPFs com o nome de Fábio Luiz da Silva foram consultados pelo terminal de Adeildda Ferreira dos Santos na Receita em Mauá, no intervalo de 28s do dia 20 de setembro... Aliás, há um quase homônimo famoso deles: Fábio Luís Lula da Silva, filho de Lula.

Escrito por Nelson de Sá às 11h20

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Dilma nas bancas, no Rio Grande do Sul

No "Zero Hora", do grupo RBS, "Dilma apresenta o primeiro neto".

No "Correio do Povo", da Record, "Presidenciável é vovó".

Em "O Sul", da Rede Pampa, "Neto de Dilma nasce em Porto Alegre".

Escrito por Nelson de Sá às 11h02

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Bilhões para empresas. E bilhões para Belo Monte

Para as edições, FSP/índice, VE/índice, ESP e BE. Para os sites, FSP, VE, ESP e BE.

Escrito por Nelson de Sá às 10h40

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

No Rio, Marina contra Lula. No RS, nasceu Gabriel

Para as edições, OG e OD. Para os sites, OG e OD.

Escrito por Nelson de Sá às 10h31

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

EUA tentam fazer Iraque formar governo

 

Para as edições, NYT, WSJ, CD e FT. Para os sites, NYT, WSJ, CD e FT.

Escrito por Nelson de Sá às 10h21

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Dentro da fábrica que faz seu iPhone

 

Para as edições, Time e Businessweek. Para os sites, Time e Businessweek.

Aqui, a capa da Economist.

Escrito por Nelson de Sá às 10h13

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Sob uma estrela

Leia a coluna "Toda Mídia" com links. Na Folha digital, à pág. Especial 6.

Escrito por Nelson de Sá às 09h59

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Trem arrasta ônibus em São Paulo. Nove morrem

Escalada do "Jornal Nacional":

A colisão de um ônibus com um trem de carga mata nove pessoas no interior de São Paulo.
Homem citado pelo contador que usou procuração falsa nega participação na quebra de sigilo fiscal de Verônica Serra.
Decisão do Supremo beneficia um milhão de aposentados.
Anunciadas novas regras nas relações entre as empresas de energia e os consumidores.
Pastor americano que provocou críticas no mundo todo desiste de queimar o livro sagrado do islamismo.
Robinho se apresenta aos torcedores do Milan.
O JN no Ar visita o Rio Grande do Norte e sorteia a próxima cidade, que é de Minas Gerais. 

Do "Jornal da Record":

Desespero na travessia. Trem arrasta ônibus no interior de São Paulo. Nove pessoas morreram.
Na porta do banco. Presa quadrilha especializada em "saidinhas".
Capturados na telinha. Imagens levam polícia a ladrões que dopavam as vítimas.
A engenheira desaparecida na Bahia. Namorado suspeito tem passagem pela polícia.
Virou moda. Vereador acusado de corrupção leva sapatada.
Recorde na moradia. Financiamentos chegam a R$ 70 bilhões neste ano.
Na série especial, a cara da nova classe média. Mulher trabalhadora, mãe e ganhando mais do que o homem. 

E do "SBT Brasil":

Trem se choca com ônibus e mata nove pessoas no interior de São Paulo.
Polícia encontra 1,5 tonelada de explosivos roubada de caminhão.
As dificuldades da polícia brasileira para investigar crimes.
Briga na Câmara da cidade em que prefeito e vereadores foram presos sob acusação de receber propina.
Para evitar atentados terroristas, o presidente Barack Obama pede ao pastor da Flórida que desista de queimar o livro sagrado dos mulçumanos.
Robinho chega ao Milan para formar ataque com Ronaldinho Gaúcho e Alexandre Pato.
O holandês que surfou nas ondas do Congresso Nacional.

Escrito por Nelson de Sá às 21h26

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Quintal de ninguém

     

Na capa de sua edição mundial, "exceto Europa", a "Economist" destaca especial de 14 páginas sobre "A ascensão da América Latina" e "a necessidade de uma nova atitude ao Norte do Rio Grande", dos EUA.

Com a foto abaixo, a revista ressalta que "Os reformadores venceram, mas eles têm ainda que consolidar seu sucesso" e lança a pergunta: "Uma década latino-americana?".

Escrito por Nelson de Sá às 12h08

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Globo & São Paulo

Sobre a concessão estadual, hoje na coluna de Keila Jimenez, reproduzida no Blue Bus:

Dez estações de metrô de São Paulo até o fim de setembro e 52 até o fim do ano vão transmitir um pacotão de programação da Globo. Essa é a meta do consórcio Busmagia, que prevê que cada estação paulistana terá cerca de 40 aparelhos de TV instalados e alcançará, em média, quatro milhões de passageiros por dia. 

E sobre a municipal, anterior, do diretor-geral da Globo, Octávio Florisbal, em entrevista a Marili Ribeiro, reproduzida no Adnews:

A parceria com a BusTV tem 600 ônibus com conteúdo Globo de entretenimento e jornalismo. É preparado, gravado e oferecido no ônibus. É verdade que isso jamais será uma mídia de massa. Em São Paulo circulam 30 mil ônibus. Equipá-los com TV é investimento altíssimo e talvez não tenha o devido retorno.

Escrito por Nelson de Sá às 11h10

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Lula vs. mídia

Do presidente, hoje na Folha, dizendo que seu maior legado terá sido fazer o povo "acreditar em si mesmo":

O povo trabalhador desse país, a classe média e os pobres desse país aprenderam a pensar pela sua cabeça, a andar pelas suas pernas, a enxergar pelos seus olhos e a votar pela sua consciência, e não pelos pseudo-formadores de opinião pública desse país, e é por isso que o Brasil está melhorando.

Escrito por Nelson de Sá às 10h58

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

No governo Dilma: Palocci, Cardozo, Belchior, Foster

Para as edições, FSP (índice), VE (índice), ESP e BE. Para sites, FSP, VE, ESP e BE.

Escrito por Nelson de Sá às 10h40

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Da arquidiocese do Rio ao exterior, com R$ 117 mil

Para as edições, OG e OD. Para os sites, OG e OD.

Escrito por Nelson de Sá às 10h32

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Justiça dos EUA libera tortura da CIA no exterior

Para as edições, NYT, WSJ, CD e FT. Para os sites, NYT, WSJ, CD e FT.

Escrito por Nelson de Sá às 10h24

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

IBGE, a edição

Leia a coluna "Toda Mídia" com links. Na Folha digital, à pág. Especial 3.

Escrito por Nelson de Sá às 10h18

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Um retrato do Brasil

Escalada do "Jornal Nacional":

A internet avança rápido. O sistema de esgoto, devagar. O IBGE divulga um retrato do Brasil em 2009.
A Receita Federal confirma que dados cadastrais do genro de José Serra também foram acessados.
Fidel Castro diz que o modelo socialista de Cuba não funciona mais.
Irã suspende oficialmente o apedrejamento da acusada de adultério e assassinato.
A Federação Internacional de Automobilismo estuda liberar jogadas de equipe como a que tirou a vitória de Massa.
O JN no Ar volta ao Amapá e você vai conhecer o próximo destino da nossa equipe. 

E do "SBT Brasil":

Idosos na mira dos assaltantes da rodoviária do Rio de Janeiro.
Uma série de reportagens especiais. Que polícia queremos no Brasil?
O genro de José Serra também teve sigilo fiscal quebrado.
Por que a eleição brasileira é acompanhada com muito interesse na Bulgária.
Pastor americano confirma que vai queimar o livro sagrado dos mulçumanos na data dos atentados terroristas de 2001.
Iraniana acusada de adultério escapa do apedrejamento, mas pode ser condenada à morte por outro crime.
O que é mais importante, a saúde dos moradores ou as capivaras que invadiram um condomínio?

Escrito por Nelson de Sá às 21h40

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Google TV, grátis

O Google vai lançar seu serviço de internet para televisor nos EUA nos próximos meses, no outono americano, e no resto do mundo no ano que vem. E será gratuito, "free", ressalta a Reuters Brasil.

Abaixo, o vídeo de apresentação do Google via televisor Sony no evento IFA 2010, que foca o Rio e a Copa de 2014 como conteúdo:

Aqui, uma introdução ao Google TV.

Escrito por Nelson de Sá às 11h18

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

"A imprensa abriu mão"

De Renato Janine Ribeiro, professor titular de ética e filosofia política do Departamento de Filosofia da USP, com a chamada de capa "A imprensa abriu mão de cobrir as eleições com seriedade":

O que me preocupa são duas coisas. A primeira é que a imprensa abriu mão de cobrir, a sério, as eleições. A cobertura é função dos institutos de pesquisa, dos escândalos e, bem pouco, do trabalho dos repórteres. Isso augura mal para o futuro de uma profissão que um dia quis exercer. O outro ponto: sem provas da ligação do detestável delito com a candidatura Dilma, o candidato que está atrás quer anular na Justiça os votos dela. Se for jogo de cena para levar ao segundo turno, não é bonito, mas vá lá. Se for uma tentativa de anular 60% dos votos e empossar um presidente votado por 25% dos eleitores, será um golpe fatal na nossa democracia. Melhor seria a oposição e a imprensa que a apoia aceitarem que nas eleições se perde e se ganha, que elas não são uma guerra em que se mata o inimigo, mas uma competição em que o povo escolhe o preferido para cada cargo. E o povo não merece que se destrua a democracia, que a discussão política se reduza a uma crônica policial ou que os vários lados fiquem de birra um com o outro. Teremos, todos nós, que construir este país, pelo resto de nossas vidas. Melhor evitar paixões e atos que tornem, depois, difícil a colaboração, pelo menos entre quem gosta do Brasil.

Escrito por Nelson de Sá às 10h28

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Aécio nega

De Aécio Neves, hoje no Painel, sobre a acusação de que sua disputa com José Serra estaria na origem da violação de sigilos em 2009, para reportagem de Amaury Ribeiro Jr. no "Estado de Minas":

Isso é piada. A cada dia surge mais uma digital do PT nessa história. Se o partido quer continuar a governar o país, deveria se comportar com mais seriedade diante de algo tão grave. 

Ele nega também conversa com Lula e acordo de "cristianização cruzada", noticiados ontem. "Quem faz esse tipo de intriga só atrapalha o Serra."

Escrito por Nelson de Sá às 09h42

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Lula contra o "nosso adversário"

Para as edições, FSP (índice), VE (índice), ESP e BE. Para sites, FSP, VE, ESP e BE.

Escrito por Nelson de Sá às 09h26

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Presidente assume a frente, mas "foi vago"

Para as edições, OG e OD. Para os sites, OG e OD.

Escrito por Nelson de Sá às 09h02

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Japão intercepta navio chinês. China reage

Para as edições, NYT, WSJ, CD e FT. Para os sites, NYT, WSJ, CD e FT.

Escrito por Nelson de Sá às 08h56

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Lula vs. Serra

Leia a coluna "Toda Mídia" com links. Na Folha digital, à pág. Especial 7.

Escrito por Nelson de Sá às 08h38

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Falso médico é acusado pela morte de grávida e bebê

Escalada do "Jornal Nacional":

Mais segurança para as crianças. Conheça as novas regras para o uso de cadeirinhas e cintos nos carros antigos.
As comemorações do 7 de Setembro pelo país.
Protestos na Europa. Um milhão de franceses vão as ruas contra a reforma da previdência.
Polêmica nos Estados Unidos. Um pastor quer queimar exemplares do livro sagrado dos muçulmanos no aniversário dos atentados de 11 de setembro.
As investigações sobre o vazamento de dados sigilosos na Receita Federal.
Esporte. A seleção brasileira perde para a Argentina e está fora do Mundial de Basquete. A de futebol vence com facilidade o jogo treino na Espanha.
Você vai ver como a população de uma região administrativa do Distrito Federal se organiza para enfrentar as dificuldades.
E vai acompanhar o sorteio do novo destino do JN no Ar. 

Do "Jornal da Record":

Falso médico. Estudante é reconhecido e acusado pela morte de uma gestante.
Falsos policiais. Quadrilha vendia títulos de delegado por R$ 140.
Cenas do dia da pátria. Sol, calor e umidificador em Brasília.
Final feliz. Desempregado sem memória reencontra a família no balcão de empregos.
Quarenta anos depois, enfermeira reconhece o pai na fila dos pacientes em hospital.
Na série A Nova Classe Média, emoções inesquecíveis. A primeira viagem, a casa própria e o diploma. 

E do "SBT Brasil":

A polícia investiga os erros de um falso médico acusado de provocar a morte de uma grávida e do bebê.
Depois de um longo período de estiagem, volta a chover forte na região Sudeste.
No Amazonas, a seca baixa o nível dos rios e isola cidades.
Em jogo em que não usou a camisa oficial, a seleção brasileira goleia um time da segunda divisão espanhola.
O preço dos imóveis começa a subir em torno do futuro estádio da Copa em São Paulo.
No basquete masculino, Brasil perde da Argentina e está fora do Mundial.

Escrito por Nelson de Sá às 22h06

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Record ganhou da Globo

Da coluna Outro Canal, de Audrey Furlaneto:

A Record comemora. Na faixa de confronto (durante duas horas) contra o "Domingão do Faustão", ganhou da Globo por 16 a 15 pontos em São Paulo com o "Programa do Gugu". E a distância entre "Fantástico" e "Domingo Espetacular" foi a menor desde maio: a atração da Globo marcou 17 pontos, já o programa da Record, 15.

O site Comunique-se acrescenta, com informações da Record, que no domingo "a Globo perdeu a liderança no Rio para a Record das 7h à meia-noite". Com 12,5 pontos contra 12,3 da Globo, foi "a primeira vez".

Escrito por Nelson de Sá às 11h38

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Lula e Aécio, pelo telefone

Do Painel de Renata Lo Prete:

O comando da campanha de José Serra se convenceu de que Minas assiste a uma "cristianização cruzada": Lula cumpre tabela em relação ao aliado local, Aécio Neves tampouco se empenha por Serra. A percepção do QG serrista foi consolidada pela notícia vinda do entorno de Aécio de que ele e Lula tiveram longa e recente conversa.

No Radar de Lauro Jardim, "Amaury Ribeiro Jr., o jornalista que é uma das pontas do escândalo, não dá entrevistas mas continua investigando...". Recém-contratado pela Record, está num "núcleo investigativo", segundo a emissora, porém "não trabalhará no processo eleitoral".

E a coluna de Claudio Humberto diz que "Márcio Aith, assessor de Serra, tentou contato com Ribeiro, apontado como autor de investigação de tucanos para um jornal de Minas". Ele "decidiu não retornar as ligações, embora permaneça intrigado com o súbito interesse do PSDB".

O Radar Político do jornal "O Estado de S. Paulo" publica que "aliados de Dilma confiam no efeito eleitoral zero".

Já Panorama Político de Ilimar Franco afirma que "o PSDB está convencido de que o escândalo vai levar Serra para o segundo turno":

Os tucanos dizem que Dilma sofre sangria mas efeito só será sentido daqui a 15 dias. Para eles, a demora se deve à complexidade.

Escrito por Nelson de Sá às 11h08

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Tribunal de São Paulo desmonta, desmente

Para as edições, FSP (índice), ESP, OG e OD. Para os sites, FSP, VEOG e OD.

VE e BE não circulam no feriado.

Escrito por Nelson de Sá às 10h40

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

EUA perdem empregos ao exterior em tecnologia

Para as edições, NYT, WSJ, CD e FT. Para os sites, NYT, WSJ, CD e FT.

Escrito por Nelson de Sá às 10h22

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Sigilos, sigilos, sigilos

Leia a coluna "Toda Mídia" com links. Na Folha digital, à pág. Especial 7.

Escrito por Nelson de Sá às 10h12

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Brasil é o 3º no mundo nos investimentos das múltis

Escalada do "Jornal Nacional":

A irresponsabilidade polui uma cidade brasileira. A fumaça das queimadas encobre a capital do Tocantins.
ONU diz que o Brasil é o terceiro país do mundo nos planos de investimentos das multinacionais.
O tribunal eleitoral de São Paulo contradiz o diretório do PT de Mauá e confirma que o contador que violou o sigilo da filha de José Serra esteve filiado ao partido durante seis anos.
A aposta do técnico da seleção nos craques que foram embora do país muito jovens.
Você vai conhecer Alto Alegre, em Roraima, e o próximo destino da equipe do JN no Ar. 

Do "Jornal da Record":

Exclusivo. Agressões contra os reféns do assalto milionário em Belo Horizonte.
Feriado violento. Homem tenta fugir de arrastão e é morto. Ladrões matam motorista no sinal de trânsito. Bando assalta posto em estrada movimentada.
Sigilos vazados. Segurança de governadora tucana acessou sistema 10 mil vezes. Analista da Receita alega engano em violação atribuída ao PT.
O menor homem do mundo mede 70 centímetros.
Na reportagem especial, Ana Paula Padrão mostra a nova classe média. Quem são e como se comportam os brasileiros que acabam de entrar no mundo do consumo. Pesquisa exclusiva revela que um em cada cinco usa cartão de crédito emprestado pelo amigo. 

E do "SBT Brasil":

O pedaço de um avião da Força Aérea cai no meio da rua no Rio Grande do Sul.
Analista da Receita Federal em Minas Gerais diz que se enganou ao retirar informações do vice-presidente do PSDB. O sargento do serviço de inteligência do governo gaúcho teve acesso a dados sigilosos dos candidatos do PT e do PSDB ao governo estadual.
Orestes Quércia desiste de disputar eleição para o Senado para tratar de câncer na próstata.
A morte de dois pilotos em 15 dias põe em dúvida a segurança nas corridas de moto.
Seleção usa um vídeo para promover as novas estrelas do time, que enfrenta amanhã uma equipe da segunda divisão espanhola.

Escrito por Nelson de Sá às 22h10

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Portugueses, espanhóis, ingleses nos portões

Depois de lançar "Brasil Econômico" e "Meia Hora" em São Paulo e comprar "O Dia", "Meia Hora" e "Campeão" no Rio, além de preparar um jornal em Brasília e iniciar negociações com a Band para televisão, a coluna de Ricardo Boechat informa que o grupo português Ongoing agora "estuda ocupar o espaço deixado pelo "Jornal do Brasil' com um novo diário para as classes A e B no Rio, para encarar 'O Globo'".

Segundo o Radar de Lauro Jardim, os planos do Ongoing, que está trocando de presidente no Brasil, de Carmelo Furci para Rafael Moura, "braço direito de Nuno Vasconcellos", carregam "tinturas fortemente megalomaníacas", até "projetos de infraestrutura e telecomunicações".

Não está sozinho. Segundo Boechat, o grupo espanhol Prisa, que edita o jornal "El País" e jornais latino-americanos, segue investindo em sua editora Objetiva, que "nos últimos tempos contratou Luis Fernando Verissimo, João Ubaldo Ribeiro e Carlos Heitor Cony" e agora tirou Ana Maria Machado da editora Record, "depois de 30 anos".

E a coluna Mônica Bergamo publica que o grupo londrino Time Out "terá edições mensais sobre São Paulo e o Rio". Ambas em inglês, mas produzidas e vendidas no Brasil, a "Time Out São Paulo" começa a circular em novembro e a versão carioca no Carnaval de 2011.

Escrito por Nelson de Sá às 11h58

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Reta final, na mídia e na Justiça

Do blog de Fernando Rodrigues:

Reta final da campanha. O "receitagate" deve dominar o discurso da oposição e vai reverberar em debates e sabatinas. Há dois debates em TV nos próximos dias: quarta (Gazeta e "Estado") e domingo (Rede TV! e Folha). Dilma confirma presença apenas para domingo. Serra vai aos dois. Dilma se comprometeu em estar presente a cinco. Já foi a dois. Se for a RedeTV!/Folha, Record (28.set) e Globo (30.set), estabelecerá um recorde. Nunca um candidato a presidente à frente nas pesquisas foi a tantos debates durante o primeiro turno. Hoje, Serra vai à sabatina do "Estado". Dilma, que já havia faltado à sabatina da Folha, não deve participar. Na sexta, Serra será sabatinado por "O Globo". Dilma recusou o convite. 

Por outro lado, o Painel de Renata Lo Prete informa que, "entre os apoiadores de Serra, não é consensual a aprovação ao slogan 'hora da virada'", pois "seria melhor aguardar sinal concreto de virada nas pesquisas para então usar o bordão".

E que o tucano vai "insistir na tentativa de levar à Justiça Eleitoral o caso da quebra de sigilo fiscal", com duas novas representações hoje, argumentando com "a descoberta da filiação ao PT de dois personagens".

Escrito por Nelson de Sá às 11h36

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Dilma lá

Vaguinaldo Marinheiro, enviado especial a Sófia, informa hoje que a "eleição no Brasil provoca febre Dilma na Bulgária", onde a mídia destaca que uma "búlgara pode presidir a sétima economia do mundo". A mineira, filha de pai búlgaro exilado, é descrita como "dama de ferro", "Margaret Thatcher brasileira", "toda-poderosa do governo Lula" e até "primeira-ministra".

Ontem na primeira reportagem sobre "A Bulgária dos Rousseff", "pode parecer irônico, mas enquanto Dilma lutava contra uma ditadura de direita no Brasil, seu meio-irmão, Luben Russév, sofria com a ditadura de esquerda na Bulgária".

Escrito por Nelson de Sá às 11h24

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Em meio à campanha, um Natal gordo

Para as edições, FSP (índice), VE (índice), ESP e BE. Para sites, FSP, VE, ESP e BE.

Escrito por Nelson de Sá às 11h08

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Para Plínio, Brasil vive pasmaceira

 

Para as edições, OG e OD. Para os sites, OG e OD.

Escrito por Nelson de Sá às 10h52

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

China já é o quinto maior investidor global

 

 

Para as edições, NYT, WSJ Asia, CD e FT Asia. Para os sites, NYT, WSJ, CD e FT. WSJ e FT não circulam hoje nos EUA.

Escrito por Nelson de Sá às 10h28

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Serra tenta chegar ao segundo turno

 

 

Para edições, Veja, Carta, Época e IstoÉ. Para os sites, Veja, Carta, Época e IstoÉ.

Escrito por Nelson de Sá às 09h58

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Bala de prata?

Leia a coluna "Toda Mídia" com links. Na Folha digital, à pág. Eleições 6.

Escrito por Nelson de Sá às 09h52

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Ver mensagens anteriores

PERFIL

Nelson de Sá Nelson de Sá é articulista da Folha de S.Paulo.
RSS

BUSCA NO BLOG


ARQUIVO


Ver mensagens anteriores
 

Copyright Folha.com. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folha.com.