Nelson de Sá

Toda Mídia

 

Fiscais e policiais nas farmácias brasileiras

Escalada do "Jornal Nacional" de 19.2:

Remédio falsificado, remédio proibido, anabolizante contrabandeado. Fiscais e policiais encontram um carnaval da ilegalidade nas farmácias brasileiras. Os nossos repórteres mostram as diferenças astronômicas de preços de uma farmácia para a outra.
Um verão super quente acelera os ciclos de infestação pelo mosquito da dengue. O vírus número um da doença está de volta.
Como continuar economizando energia mesmo com o fim do horário de verão.
Computadores emprestados aos alunos de uma escola viram um escândalo nos Estados Unidos.
O esportista mais bem pago do mundo pede desculpas públicas por trair a mulher.
Rússia, Alemanha e França se manifestam contra as atividades nucleares do Irã.
A China se queixa ao embaixador americano em Pequim do encontro de Obama com o Dalai Lama.
A Marinha brasileira resgata vítimas de um naufrágio a mais de 500 quilômetros da costa. 

Do "Jornal da Record":

Três lados da polícia. PMs do Rio são presos acusados de sequestrar dois jovens e matar um deles. Policiais capturam traficante mais procurado do Rio de Janeiro. No Pará, falta munição e até gasolina para combater o crime.
Assalto na saída do banco. A ação dos bandidos se multiplica na capital e no interior de São Paulo.
A casa dos marajás. Motorista ganha R$ 9 mil; copeiro, R$ 13 mil; oficial de Justiça, mais de R$ 60 mil. São os salários do Tribunal de Justiça do Paraná.
Governador do Distrito Federal vai para uma cela menor sem janela e sem banheiro.
Naufrágio em alto mar. Sessenta e quatro pessoas são resgatadas com vida na costa do Rio.
A final inesperada da patinação masculina. O americano vence o russo dos saltos quádruplos. A dança que vale medalha. O salmão mais saboroso do mundo. 

E do "SBT Brasil":

Chegam amanhã ao Rio os náufragos do veleiro canadense que afundou na costa brasileira.
Preso o traficante que comandou ataque a ônibus que deixou 18 mortos e uma modelo queimada.
Acaba domingo à meia-noite o horário de verão.
Polícia para combater o lixo clandestino em São Paulo.
Uma igreja de 200 anos está à venda em Belém do Pará.
Fiscais encontram remédios falsificados à venda em farmácias.
O IBGE abre milhares de vagas para pesquisadores do Censo.
Pode marcar churrasco para o fim de semana, porque a picanha está mais barata.
O governador de Brasília vai para uma sala menor e sem banheiro.
O jogador de golfe mais famoso do mundo pede desculpas em público porque traiu a mulher.
Depois de humilhar o Palmeiras, técnico é contratado para tirar o time da crise.

A coluna e o blog voltam na segunda-feira.

Escrito por Nelson de Sá às 02h39

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

De forma indolor

Pouco antes do Carnaval, o coordenador do programa de governo de Dilma Rousseff discursou na sede do PT. De Marco Aurélio Garcia, assessor de Lula e professor da Unicamp, segundo reportagem de Bernardo Mello Franco, no último dia 9, no "Globo":

Hoje em dia, quase tão importante quanto a 4ª Frota são os canais de televisão a cabo que nós recebemos aqui. Eles realizam, de forma indolor, um processo de dominação muito eficiente. Despejam toda essa quantidade de esterco cultural. 

Passado o Carnaval, a Folha de ontem, sob o título "Que esterco é esse?", ouviu do produtor Kiko Mistrorigo, do Discovery Kids, que "nada disso tem sentido, o Brasil, como todos, tem de participar do caldo cultural mundial". E, do diretor de TV e cinema Daniel Filho, que Garcia "apoia os governos de Fidel e Chávez, as declarações são muito parecidas".

Mas a repórter Ana Paula Sousa informou que:

Sob a ruidosa briga ideológica, há dados que tornam menos espalhafatosa a discussão. A Agência Nacional de Cinema registra que só 6,4% dos filmes exibidos pelos canais fechados, no primeiro semestre de 2009, eram brasileiros. Nas emissoras abertas, que são concessão pública, o número é bem maior, certo? Errado. Só 12,6% dos filmes são nacionais e, na rubrica "séries e minisséries", 71% do tempo é ocupado por produtos vindos dos EUA.

Por fim, na Folha de hoje, Garcia acrescenta que a TV aberta "também é um lixo", mas nega que o governo esteja pensando em "controle":

Essa não é uma tarefa de governo. Estamos preocupados é com a melhoria da qualidade [no acesso] à cultura, à informação no país, que nos parece ainda insuficiente, ainda muito monocórdio.

Escrito por Nelson de Sá às 11h56

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

"Sob a liderança extraordinária do presidente Lula"

Sobre a propaganda do PSB em rede nacional, na Folha, "Fla-Flu entre PSDB e PT é ruim para o país, diz Ciro", que "criticou alianças de Lula". No enunciado do "Estado", "Ciro confirma a disputa à presidência" e "diz ser o melhor para continuar o governo Lula".

Escrito por Nelson de Sá às 11h22

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Dilma por Lula

Do presidente, na entrevista a Vera Rosa, Tânia Monteiro, Rui Nogueira, João Bosco Rabello e Ricardo Gandour:

Quando aconteceram os problemas que levaram o companheiro José Dirceu a sair do governo, eu não tinha dúvida de que a Dilma tinha o perfil para assumir a Casa Civil. Ela se transformou na grande coordenadora das políticas do governo. Foi quase uma coisa natural a indicação da Dilma. A dedicação, a capacidade de trabalho e de aprender com facilidade as coisas foram me convencendo que estava nascendo ali mais do que uma simples tecnocrata. Estava nascendo ali uma pessoa com potencial político extraordinário, até porque a vida dela foi uma vida política importante. 

Eu ainda não vi o programa, sei que tem discussão. Mas conheço bem a Dilma e, como acho que ela deve imprimir o ritmo dela, se tomar uma decisão mais à esquerda do que eu, tenho que encarar com normalidade. E, se tomar uma posição mais à direita do que eu, tenho que encarar com normalidade. Tenho total confiança na Dilma, de que ela saberá fazer as coisas corretas para este país. Uma mulher que passou a vida que a Dilma passou -e é sem ranço, sem mágoa, sem preconceito- venceu o pior obstáculo. 

Mais à frente, perguntas e respostas:

O sr. não teme que Dilma caia nas pesquisas após sair do governo?
Ela vai crescer.
Mas sozinha?
Ela nunca estará sozinha. Eu estarei espiritualmente ao lado dela. (Risos)

Escrito por Nelson de Sá às 10h51

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Lula diz que não volta em 2014

Para as edições, FSP, VE, ESP e ASP. Para os sites, FSP, VE e ESP.

Escrito por Nelson de Sá às 10h18

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Mais dinheiro aos servidores federais

Para as edições, OG, OD e MH. Para os sites, OG, Ex e OD.

Escrito por Nelson de Sá às 10h03

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

O tempo do dinheiro barato está acabando

Para as edições, NYT e WSJ. Para os sites, NYT e WSJ.

Escrito por Nelson de Sá às 09h46

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Dalai Lama vai a Washington

 

Para as edições, CD e SCMP. Para os sites, CD e SCMP.

Escrito por Nelson de Sá às 09h40

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Washington não funciona

Para as edições, "Time" e "Economist".

Escrito por Nelson de Sá às 09h29

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

A democracia funciona

Leia a coluna "Toda Mídia" de hoje com links. Na Folha digital, à pág. A10.

Escrito por Nelson de Sá às 09h25

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Paulo Octávio diz que renúncia está pronta, mas fica

Escalada do "Jornal Nacional":

A crise no Distrito Federal se aprofunda. Deputados da Câmara Distrital avançam com pedido de impeachment do governador preso, José Roberto Arruda, e também do governador interino, Paulo Octávio.
Número de empregos com carteira assinada sobe e atinge o maior nível registrado no mês de janeiro.
A polícia pernambucana investiga o assassinato de uma turista alemã no Carnaval.
São Paulo. A enxurrada arrasta um homem que socorria pessoas na tempestade.
Roraima. Incêndios florestais se multiplicam na estação da seca.
Aumenta o clima de tensão entre argentinos e britânicos por causa das Ilhas Malvinas.
Ingleses, irlandeses e alemães cobram explicações de Israel sobre o assassinato de um líder do Hamas.
Você vai conhecer o homem que decidiu viver sem tocar em dinheiro.
As ideias do carnavalesco que reinventou os desfiles das escolas de samba. 

Do "Jornal da Record":

Violência dentro de casa. Aumentam os casos de mulheres agredidas e mortas pelos maridos.
Violência no trânsito. Motorista bate e mata em uma avenida de São Paulo. Ele dirigia a 150 quilômetros por hora.
No Rio de Janeiro, ônibus derruba poste, pega fogo e quatro pessoas morrem.
Nos Estados Unidos, o susto vem do céu. Homem joga avião contra prédio no Texas.
O salto da discórdia. Russo, favorito à medalha na patinação artística, é criticado por exibicionismo nos saltos. A eterna musa da patinação artística. A viagem de trem pelas montanhas geladas do Canadá. "Você pode sentar aqui e olhar a paisagem para todo lado que você quiser."
As ultimas do mensalão do DEM. Governador interino do Distrito Federal diz que fica no cargo. O processo de impeachment do governador preso avança na Câmara.
Geração de emprego com carteira assinada bate recorde em janeiro.
Mas no futebol o vexame do Palmeiras custa o emprego de Muricy Ramalho. 

E do "SBT Brasil":

A Câmara do Distrito Federal começa o impeachment do governador José Roberto Arruda. O governador em exercício diz que a renúncia está pronta, mas fica no cargo.
O juiz não queria, mas um dos criminosos que arrastaram e mataram o menino João Hélio Fernandes já está em liberdade.
Um ônibus em alta velocidade bate no poste, pega fogo e quatro pessoas morrem.
Um feirante levado pela enchente em São Paulo tinha acabado de salvar a vida de uma mulher.
O tornado cor de rosa que surpreendeu uma família australiana.
Um piloto furioso com o imposto de renda joga o avião no prédio da receita federal americana.
Os ovos de Páscoa já chegaram aos supermercados e estão mais caros.
Fieis fazem fila para ver o esqueleto de Santo Antônio.
Depois da goleada, o técnico Muricy Ramalho é demitido do Palmeiras.

Escrito por Nelson de Sá às 22h51

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Ibope e resistência

Na Folha, "Com 36%, Ibope mostra Serra à frente da petista". Porém "Dilma passou de 17% a 25%, enquanto Serra caiu de 38% para 36%". A pesquisa foi encomendada pela Associação Comercial de São Paulo.

Segundo o "Globo", na coluna de Ilimar Franco:

A cúpula do PSDB está cada vez mais impaciente com a resistência de Serra em se assumir como candidato. Lideranças reclamam que o comportamento gera insegurança no partido e nos aliados, porque alimenta expectativa de que pode desistir da disputa lá na frente. Nos próximos dias, Serra deve ter uma conversa com Aécio.

Escrito por Nelson de Sá às 11h04

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Cratera? Que cratera?

São Paulo voltou à mira do Discovery, informa Keila Jimenez, sob o título "A cratera do Metrô". O canal prepara um documentário sobre o desabamento nas obras da estação Pinheiros, em 2007:

No entanto, esbarrou na direção do Metrô. Produtores do canal tentaram entrevistar dois geólogos do Instituto de Pesquisas Tecnológicas, responsáveis pelos laudos. O IPT, que se pronunciou à imprensa na época, proibiu seus técnicos de falarem. Via assessoria de imprensa, diz que há uma cláusula de sigilo em seu contrato com o Metrô, sobre o trabalho executado no acidente da Linha 4. Depende da autorização do Metrô, que não o fez. 

De todo modo, "nos bastidores, é certo que o canal vai adiante no assunto com ou sem o aval do Metrô".

Escrito por Nelson de Sá às 10h25

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Jardim Pantanal volta a alagar

Para as edições, FSP, VE, ESP e ASP. Para os sites, FSP, VE e ESP.

Escrito por Nelson de Sá às 09h15

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Paulo Barros ganha o Carnaval

 

Para as edições, OG, OD e MH. Para os sites, OG, Ex e OD.

Escrito por Nelson de Sá às 09h05

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Fábricas se preparam para contratar

Para as edições, NYT e WSJ. Para os sites, NYT e WSJ.

Escrito por Nelson de Sá às 08h58

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Obama recebe Dalai Lama "como programado"

Para as edições, CD e SCMP. Para os sites, CD e SCMP.

Escrito por Nelson de Sá às 08h55

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Apostas eleitorais

Leia a coluna "Toda Mídia" de hoje com links. Na Folha digital, à pág. A8.

Escrito por Nelson de Sá às 08h47

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Depois de 74 anos, Unidos da Tijuca é campeã

Escalada do "Jornal Nacional":

O carnavalesco Paulo Barros volta a encantar o Sambódromo do Rio, mas desta vez conquista os jurados também. A Unidos da Tijuca celebra o título de campeã com o enredo "É segredo".
Naufrágio no Tocantins. Morre Arnaud Rodrigues, um dos mais talentosos humoristas brasileiros.
O jogador paraguaio Cabañas deixa a UTI do hospital no México.
Aberta nova rodada de inscrições em universidades com as notas do Enem.
Proibido engordar. O governo japonês impõe limites para as barrigas das mulheres.
Novidade na estação espacial internacional. Um deque para a observação privilegiada do nosso planeta. 

Do "Jornal da Record":

Briga de polícia. Desentendimento entre colegas da mesma delegacia termina em morte.
Casos de polícia. No Rio Grande do Sul, homicídios disparam no Carnaval. Em Pernambuco, turista alemã é sequestrada e morta.
No Estado com o maior número de carros, uma surpresa. Diminuíram os acidentes nas estradas paulistas, mas os flagrantes de motoristas bêbados se repetem pelo país.
Depois da queda, a emoção. "Quando eu abracei a minha irmã, eu me senti, assim, em casa." Isabel conta por que caiu na prova de snowboard. A estreia do Canadá no esporte que é paixão nacional por aqui. Os homens que esfregam o gelo. E os homens que voam sobre o gelo.
Carnaval carioca já tem a campeã. É a Unidos da Tijuca. Já o Carnaval de Salvador parece que não vai acabar.
O passeio tranquilo de uma família às margens de uma das avenidas mais movimentadas do Brasil. 

E do "SBT Brasil":

Depois de 74 anos, a Unidos da Tijuca é campeã do Carnaval do Rio de Janeiro. A Timbalada de Carlinhos Brown põe fim a sete dias de folia em Salvador. Termina em briga a festa da Rosas de Ouro em São Paulo. Um morto e dois feridos na comemoração da campeã do Carnaval em Porto Alegre.
A morte do humorista Arnaud Rodrigues, que estava em um barco que virou em Tocantins.
Multidão saqueia um caminhão carregado de comida.
Imagens inéditas do dia em que o presidente Kennedy foi assassinado.
Mudança no seguro deixa a prestação da casa própria mais barata.
Venda de remédios só no balcão da farmácia, a partir de amanhã.
Astronautas instalam uma cabine com vista panorâmica da Terra.

Escrito por Nelson de Sá às 21h21

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

O pior de todos os tempos

Do Radar de Lauro Jardim, na nota "Tempos de crise":

No Carnaval, é normal, as audiências caem muito. Feita a ressalva, impressionou o sábado de "Tempos Modernos": 14 pontos, o pior ibope de todos os tempos de uma novela das sete da Globo.

Patrícia Kogut informa que a novela, que precede o "Jornal Nacional", já está sendo analisada por "grupos de discussão" e "sofrerá ajustes", inclusive "reforço em seu time de colaboradores".

Escrito por Nelson de Sá às 11h54

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Folia sob controle 2

No Rio, a Globo "cobriu o patrocínio" nos blocos para não mostrar marcas de cervejas e teles concorrentes das anunciantes da rede.

E, segundo Flávio Ricco, "a passagem da escola de samba Grande Rio se deu com restrições" devido à "guerra das cervejas":

A transmissão tinha o patrocínio da Schin, só que o samba da escola incluiu claramente a Brahma. Resultado, o título da música foi resumido, a letra deixou de ser exibida e a voz do interprete só entrou quando não existia nada que comprometesse. Consultada, a Globo confirmou a existência de contrato com as escolas que lhe assegura o direito de suprimir qualquer mensagem comercial.

Em São Paulo, informa Ygor Salles, o presidente da campeã Rosas de Ouro "alfineta Globo". Patrocinada pela marca de chocolates Cacau Show, a escola trocou "por pressão da Globo" a expressão "cacau é show" por "cacau chegou". Do presidente, em meio à festa:

Há um mês, tive de mudar o samba-enredo. Não foi fácil para a comunidade. Mas vamos voltar à letra original. Fizemos um trabalho impecável e vamos levar a taça para a Freguesia do Ó. Agora podemos dizer que o cacau é show. A Rosas acredita em parceiros.

Por outro lado, a repressão policial que acabou com a festa na Freguesia, segundo a Globo, é responsabilidade da própria escola:

Escrito por Nelson de Sá às 10h45

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Dois carecas

No "Globo", Ilimar Franco informa que, "em seu périplo carnavalesco, José Serra mostrou irritação com a lembrança de que José Roberto Arruda chegou a ser cotado para vice em sua chapa". Do tucano:

Imagina se ele ia ser meu vice. 

Na Globo, em setembro, dois meses antes das manchetes da Operação Caixa de Pandora, Alexandre Garcia anunciava:

Também aqui e, em versão mais extensa, aqui.

Escrito por Nelson de Sá às 10h14

Comentários () | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Estimativa de custo da Copa no Brasil é o dobro

Para as edições, FSP, VE, ESP e ASP. Para os sites, FSP, VE e ESP.

Escrito por Nelson de Sá às 09h06

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Tijuca de um lado, Mangueira e Vila Isabel de outro

Para as edições, OG, OD e MH. Para os sites, OG, Ex e OD.

Escrito por Nelson de Sá às 08h56

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Polarização partidária ameaça levar a nova crise

Para as edições, NYT e WSJ. Para os sites, NYT e WSJ.

Escrito por Nelson de Sá às 08h42

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Dupla chinesa "faz história olímpica no gelo"

Para as edições, CD e SCMP. Para os sites, CD e SCMP.

Escrito por Nelson de Sá às 08h34

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Irã & Brasil

Leia a coluna "Toda Mídia" de hoje com links. Na Folha digital, à pág. A8.

Escrito por Nelson de Sá às 08h27

Comente | Enviar por e-mail | PermalinkPermalink #

Ver mensagens anteriores

PERFIL

Nelson de Sá Nelson de Sá é articulista da Folha de S.Paulo.
RSS

BUSCA NO BLOG


ARQUIVO


Ver mensagens anteriores
 

Copyright Folha.com. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folha.com.